Itapuã - Viamão
Em 1752, imigrantes portugueses vindos das Ilhas dos Açores e Madeira desembarcaram às margens da Laguna dos Patos e Lago Guaíba, numa região que destacava-se das demais pelos seus morros de pedras, ilhas, baías, praias, matas e campos de criação, denominada pelos guaranis de ITA - ponta e PUÃ - pedra, Ponta de Pedra. Com o aumento da navegação, em 1858, foi construído o Farol de Itapuã para sinalizar os perigos locais na divisão das águas da Laguna dos Patos e Lago Guaíba. A região de Itapuã, belíssima por natureza, caracteriza-se pela produção rural e pesca artesanal. Destacam-se o Hospital Colônia e a Colônia Japonesa - maior produtora de hortaliças folhosas da região metroplolitana.
Itapuã mantém até hoje a sua beleza natural preservada, O Parque Estadual de Itapuã agrupa todos os atrativos naturais, possui 5560 hectares.
Vila Itapuã
O ônibus que sai do Centro de Viamão e vai até a Vila Itapuã tem de hora em hora, a viagem leva em média 25km, ou seja, uma hora. Com isso você tem a possibilidade de passar por belas paisagens como se estivesse na cidade do interior. Existem muitas coisas para ver na Vila: praias lindíssimas, ancoradouro de barcos, colônia de pescadores, dá para ver os bugios comendo frutas nas árvores, tem passeios de barco até o farol com no mínimo seis pessoas, mais ou menos 13km de viagem e também tem uma Igreja de 1875.
É um lugar agradável para se passar o dia, a comida é barata, em torno de R$ 5,50 o almoço com refrigerante.
Passeios de barco em Itapuã
• Passeio de barco ao farol de Itapuã: mínimo seis pessoas, navegação pelo Lago Guaíba, passando pelas ilhas das Pombas e do Junco e pelo Farol de Itapuã, construído em 1860, marco entre o Guaíba e a Laguna dos Patos.
• Itapuã e magia: mínimo dez pessoas, o passeio de barco, contornando o Parque Estadual com sua vegetação nativa e morros graníticos, descortina o Farol de Itapuã (1860), onde as águas do Guaíba encontram a Laguna dos Patos.

• O almoço, a visita ao Parque e a trilha ecológica completam este mágico roteiro.
• Itapuã à luz do luar: mínimo, 14 pessoas. Passeio de barco à luz do luar, no Lago Guaíba. Os motores são desligados para ouvir os sons do vento e das ondas batendo no casco do barco, nas pedras e nas areias das praias. Confraternizando a bordo para brindar a vida e as belezas da noite.
• Roteiro educativo: especialmente elaborado para as escolas; Passeios para a “melhor idade”.